O setor da água em Portugal também tem investimento chinês

Segunda, 07 de Agosto de 2017

A acompanhar o “gigante” asiático no investimento neste setor estão Japão, Israel, Espanha e Alemanha

O setor da água em Portugal também tem investimento chinês

© Pixabay

Há cinco concessionárias com capital estrangeiro no setor da água em Portugal, entre as quais a China, Japão, Israel, Espanha e Alemanha, revelou um representante da Associação das Empresas Portuguesas para o Setor do Ambiente (AEPSA).

"No setor concessionado, são seis 'players' [entidades] principais que temos em Portugal e, à exceção da Aquapor, que tem capital português, os outros cinco são investimentos de capital estrangeiro", anunciou o presidente da AEPSA, Francisco Mariz Machado.

De acordo com o responsável, existe investimento de França, Bélgica, Espanha e Angola, que “têm participações em empresas no setor da água, mas não nos concessionários”.

“E um sinal de que o nosso setor é forte que o nosso mercado é apetecível, que as nossas empresas têm conhecimento e as empresas internacionais aplicam os seus investimentos e apostam muito no conhecimento das portuguesas para ajudá-los a expandir-se internacionalmente", destacou Francisco Mariz Machado.

O presidente da AEPSA acredita que “isto é bom para a economia portuguesa como um todo” e é “uma demonstração que o setor pode ser visto como um exemplo” para o resto da economia nacional.

"Esta entrada de investidores estrangeiros tem dupla vantagem, permite capitalizar as empresas e disponibilizá-las para mais investimento e ajudam-nas a internacionalizar porque estes investidores têm presença em outros países", acrescentou, defendendo o equilíbrio entre empresas portuguesas e de outros países no setor da água.

 

Por Redação